12 de junho

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
17/02/23 às 21h52 - Atualizado em 17/02/23 às 21h53

Setor Carnavalesco Sul chega com 40 atrações até terça-feira, dia 21

COMPARTILHAR

Com uma programação com 40 atrações e entrada gratuita, o evento Setor Carnavalesco Sul, que acontece no Setor Comercial Sul (SCS), reuniu cerca de 3 mil pessoas no primeiro dia de festa. Público menor que o esperado pela produção, mas com pessoas muito animadas, fantasiadas, e festejando o Carnaval 2023 – que há dois anos não acontecia devido à pandemia da Covid-19.

Com 35.000 m² de espaço interno, o Setor Carnavalesco Sul é fechado e tem duas entradas: uma pela quadra 01 e uma pela quadra 04. Dentro do espaço, quatro palcos, diversidade e muita música. Na programação deste primeiro dia, três atrações: o “‘Bloco BEM MEB” com música eletrônica, o “Bloco Parece mas não é” que mistura música de carnaval com funk carioca, hip hop, brega e outros, e o “Bloco da Escola”, bloco de rua nascido e criado dentro da Escola Carnavalesca.

 

“Depois da pandemia, a gente, enfim, vai poder fazer um grande carnaval e, o Setor Comercial, é muito importante porque é um espaço que está sendo revitalizado e a presença da cultura popular aqui é valiosa”, destacou o bancário e músico Bruno Bezerra, 36 anos, que não abriu mão da pintura estilo clown no rosto para curtir a noite.

 

A área deste ano está um pouco mais reduzida para a folia. A expectativa do produtor do evento, Caio Dutra, é de que o público aumente e fique entre 10 mil e 15 mil pessoas por dia. Mas, de acordo com Dutra, o mais importante é ter de volta o carnaval no SCS. “A gente estava se preparando para essa retomada e não foi fácil, depois de três anos sem carnaval, mobilizar nosso principal projeto. Por isso, a alegria de hoje é especial”, afirmou.

Para o administrador do Plano Piloto (RA-PP), Valdemar Medeiros – que esteve presente no SCS desde a manhã para dar o start no mutirão de limpeza e também acompanhou o início do evento neste primeiro dia -, Brasília merece ter de volta o seu carnaval. “As pessoas estão animadas e o governo se preparou bastante para garantir um carnaval de paz e de alegria para os foliões”, afirmou.   

 

Preparação

Logo nas primeiras horas da manhã, o SCS já recebia uma força-tarefa para garantir um local limpo e seguro nos dias de folia, já que alguns objetos descartados no local ofereciam potencial lesivo.

 

 

Em seis horas de trabalho, a ação – que reuniu o GDF Presente, a RA-PP, Serviço de Limpeza Urbana (SLU), Novacap, Polícia Militar do DF e Polícia Penal (com o projeto Mão Dadas de ressocialização) -, retiraram, aproximadamente, 16 toneladas de lixo do local, incluindo pedras, pedaços de madeira e ferro.

Para o empresário George Ferreira, 50 anos, dono de quiosque no SCS há dez anos, o resultado é positivo. “Todo mundo gosta de ver a cidade limpa, e para quem trabalha com comércio de alimentação, como é o meu caso, é uma forma de fidelizar as vendas, para que elas aconteçam além da festa”, acredita.

“O ambiente ficou mais agradável com tudo limpo e bonito, poderia ter ações assim sempre, mas com multa para as pessoas que sujassem”, disse a estudante Daniele Alvim, 16 anos, frequentadora do Setor Comercial Sul.

 

 

Diariamente, mais de 150 mil pessoas passam pelo local, que está em obras de revitalização. O Governo do Distrito Federal (GDF) investiu mais de R$ 8,9 milhões para a reurbanização completa das quadras 3, 4 e 5.

Fique ligado

O evento Setor Carnavalesco Sul acontece até a terça-feira de carnaval (21), a partir das 16h. Para a criançada, também há programação todos os dias, das 10h às 16h.

 

Programação

 

Sábado 18/02 – das 10h às 22h

 

10h: Patubatê (Espaço das Crianças)

10h: Bloco Deus Ajuda quem Seu Madruga (Paredão)

12h: Patubatê (Palco Amstel)

12h: Orquestra Percussiva Obará (Paredão)

14h: Limbo Bloco (Palco SPD)

14h: Bloco na Batida do Morro (Paredão)

14h: Carreata Passo Largo (Engenhoca)

15h: Bloco das Divinas Tetas (Palco Amstel)

18h: Bloco Kirá – Na Baladêra (Palco Amstel)

20h: Bloco MamaTa Difícil (Palco Amstel)

 

Domingo 19/02  – das 10h às 22h

 

13h: Relabuxo Elétrico (Palco Amstel)

14h: Bloco Puxadinho (Paredão)

14h: Bloco Desmaiô/Calango Careta (Engenhoca)

15h: Confronto Soundsystem (Palco SPD)

16h: Bloco Folha Seca – Afro Percussivo (Palco Amstel)

18h: Bloco da Carmela (Palco Amstel)

19h: EletroManas (Paredão)

 

Segunda 20/02 – das 10h às 22h

 

11h: Aparelhinho (Paredão)

14h: Bloco Divindades (Palco Amstel)

14h: Bloco das Braba (Palco SPD)

15h: Orquestra Percussiva Obará

17h: Bloco Elétrico (Palco SPD)

17h: PUTZZ Q’Bloco (Paredão)

17h: Palhaço Elétrico (Engenhoca)

18h: Bunda do Delírio (Palco Amstel)

19h: Ventoinha de Canudo (Cortejo)

20h: Forró Red Light (Engenhoca)

 

Terça 21/02 – das 10h às 22h

 

13h: Banda Praga de Baiano (Palco Amstel)

15h: Bloco Maria Fumaça (Palco SPD)

15h: Bloco Oxente Véi! (Engenhoca)

17h: Bloco Pega Ninguém (Palco Amstel)

17h: Pop Up Drag (Paredão)

17h: Bloco da Drops (Engenhoca)

19h: Batukenjé (Palco SPD)

21h: Bloco Bora Coisar com Emília Monteiro (Palco Amstel)

Mapa do site Dúvidas frequentes