09 de dezembro

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
17/02/23 às 16h22 - Atualizado em 17/02/23 às 18h16

Não gosta de Carnaval? Veja opções para se divertir durante o feriadão

COMPARTILHAR

 

Apesar de arrastar milhares de pessoas pelas ruas, há quem não goste da festa carnavalesca. Neste caso, a melhor pedida são programações longe da folia, como idas a cachoeiras, museus, exposições e parques.

O secretário de Turismo, Cristiano Araújo, afirma que o Distrito Federal está preparado para atender a quem prefere descanso e lazer, ao invés da muvuca. “Temos, por exemplo, o turismo náutico, com o nosso Lago Paranoá, repleto de opções; o turismo rural, com muita natureza para quem prefere um Carnaval mais tranquilo. Brasília e todo o trade turístico estão prontos para acolher os foliões, com opções para todos os gostos”, salienta.

A pasta oferece uma coleção com roteiros turísticos, disponíveis no site da Secretaria de Turismo. São rotas do Cerrado, náutica, arquitetônica, cultural, cívica, da paz, fora dos eixos, diversão, sobre rodas, pôr do sol, Lago Oeste, e das regiões administrativas de Planaltina e Brazlândia. Nelas constam endereços, horários, custo de entrada, se for o caso, e telefones de contato.

 

 

Arte e cultura

→ A Biblioteca Pública de Brasília estará aberta no dia 18, fecha nos dias 19 a 21 e abre no dia 22, às 14h.

→ A Concha Acústica funcionará normalmente, durante todo o Carnaval, de 9h e 18h.

→ O Museu Nacional da República abre no sábado e domingo, fecha na segunda-feira e reabre na terça, além de que também funcionará na quarta.

→ O Museu de Arte de Brasília estará aberto, das 10h às 19h, exceto na terça-feira. No último dia 15, estreou a mostra ObraXerox, com artes visuais contemporâneas de artistas locais e de outras regiões do país. A exposição permanece no espaço até o dia 30 de abril.

→ Já o Museu Vivo da Memória Candanga só estará fechado no domingo.

→ O Espaço Oscar Niemeyer estará aberto nos dias 18 e 19; fechará no dia 20; e retorna no dia 21, também estando aberto no dia 22.

→ A programação do dia 16 a 22 deste mês do Cine Brasília está disponível neste link. Em clima carnavalesco, estreia o documentário Andança – Os Encontros e as Memórias de Beth Carvalho, com registros gravados pela própria sambista. O ingresso inteiro custa R$ 20, e a meia entrada, R$ 10.

→ O Cine Brasília, Espaço Cultural Renato Russo, Complexo Cultural de Planaltina e o Centro de Dança funcionarão normalmente nos dias 18 e 19; fecharão nos dias 20 e 21; e reabrem no dia 22.

→ A Casa do Cantador terá o evento Cantoria Pé de Parede, no sábado (18), às 20h; do dia 19 a 21 estará fechado e reabre no dia 22, às 14h.

→ No Espaço Oscar Niemeyer, os visitantes podem contemplar a exposição Metamorfoses, criada pelo Instituto Foto em Curso durante a pandemia. A coleção é formada por fotografias dos alunos do instituto e estará disponível até o dia 12 de março. O espaço abre às 9h e a entrada é gratuita.

 

→ O Eixo Cultural Ibero-americano, Memorial dos Povos Indígenas e o Museu do Catetinho estarão fechados durante todo o Carnaval.

 

 

Imersão na natureza

→ O Jardim Botânico de Brasília funcionará normalmente nos dias 18, 19 e 21, das 9h às 17h; e no dia 22 abrirá às 14h. Já no dia 20, uma segunda-feira, estará fechado para manutenção. O espaço reúne pontos gastronômicos, com oferta de café da manhã, brunch, almoço e lanches, além de belas paisagens e contato com a natureza. Os ingressos custam R$ 5; pedestres e ciclistas podem entrar gratuitamente entre 7h30 e 9h.

→ O Planetário de Brasília seguirá o funcionamento normal: a visitação à exposição é aberta de terça-feira a domingo, das 7h30 às 19h30. A entrada é gratuita e não é necessário agendar.

 

Oficina no Zoológico

Que tal fazer uma visita ao mundo animal? A equipe de Educação Ambiental da Fundação Jardim Zoológico de Brasília preparou uma programação especial para as crianças na terça-feira (21). O público infantil poderá confeccionar máscaras carnavalescas e aprender sobre as peças do Museu de Ciências Naturais, em uma tenda montada próximo à calçada de acesso ao serpentário.

A oficina de produção de máscaras acontecerá das 9h às 11h e das 14h às 16h, enquanto tiverem materiais disponíveis. Já a tenda temática com as peças animais, intitulada como “Não tenha pena de mim, tenha pena de mim!”, será das 9h às 16h.

O Zoo estará fechado apenas na segunda-feira (20), dia de manutenção do espaço. Nos outros dias, abrirá das 8h30 às 17h, com ingressos a R$ 5 (meia) e R$ 10 (inteira). A bilheteria aceita apenas dinheiro e fecha às 16h. Crianças até 5 anos de idade não pagam.

 

 

Descanso e água fresca

→ Se a vontade é de dar um mergulho, vá ao Parque Nacional de Brasília, conhecido como Água Mineral. A entrada de visitantes é aberta das 6h às 16h, sendo que os portões podem fechar mais cedo se atingir a lotação máxima (1.500 pessoas). As piscinas funcionam até as 17h. Aventureiros podem conhecer alguma das três trilhas do local, com 5 km, 10 km e 15 km de extensão, que podem ser percorridas a pé ou de bicicleta. A entrada custa R$ 16 para brasileiros de 12 e 59 anos e é gratuita para crianças até 11 anos e idosos acima de 60 anos. Do público internacional é cobrado o valor de R$ 32.

→ Para aqueles que desejam assistir ao pôr do sol, curtir a natureza e, quem sabe, fazer um piquenique, as unidades de conservação estarão de portas abertas. A Ermida Dom Bosco (aberta todos os dias, das 6h às 20h) e o Parque Morro da Asa Delta (aberto todos os dias, das 6h às 18h), por exemplo, oferecem belas vistas da cidade e extensa área de Cerrado nativo, além de ciclovias, trilhas e vias para caminhada.

 

Veja os horários de funcionamento dos parques do DF, que abrem todos os dias:

 

→ Parque Recreativo do Gama: 6h às 18h

→ Parque Distrital das Copaíbas: 8h às 18h

→ Monumento Natural Dom Bosco: 6h às 20h

→ Parque Ecológico do Paranoá: 6h às 18h

→ Parque Ecológico Sucupira: 6h às 20h

→ Parque Ecológico do Lago Norte: 6h às 18h

→ Parque Ecológico da Asa Sul: 6h às 20h

→ Parque Ecológico Olhos d’Água: Portão principal, das 5h30 às 20h. Portões laterais, das 6h às 18h

→ Parque Ecológico Ezechias Heringer: 6h às 22h

→ Parque Ecológico de Águas Claras: 5h às 22h

→ Parque Ecológico do Riacho Fundo: 6h às 18h

→ Parque Ecológico Areal: 6h às 18h

→ Parque Ecológico Veredinha: 6h às 22h

→ Parque Ecológico Cortado: 6h às 20h

→ Parque Ecológico Três Meninas: 7h às 18h

→ Parque Ecológico do Anfiteatro Natural do Lago Sul: 6h às 18h

→ Parque Ecológico Península Sul: 6h às 22h.

 

Catarina Loiola, da Agência Brasília I

Fotos: Agência Brasília

Mapa do site Dúvidas frequentes